Los Roques – Praias e Ilhas

Passeios, Praias, Ilhas, Ilhotas,

Cayos e Bancos de Areia

Publicado em 28/01/2015

Los Roques de A a Z
Como Chegar
Perfil do Viajante
Quanto Custa

Os passeios em Los Roques consistem em passar o dia em uma ou duas ilhas e esse deslocamento é feito de barco. Todos os barcos saem do píer de Grand Roques o valor do passeio pode ser com ou sem guarda-sol e cadeiras.

 

nova_foto2

Foto: Madrisquí.

Principais passeios/ilhas:

  1. Cayo de Água, Carenero e Dos Mosquites (são feitas juntas em um dia);
  2. Noronquí, Crasquí e Laguna de Rabusquí (são feitas juntas em um dia);
  3. Madrisquí;
  4. Francisquí de Arriba e Francisquí de Abajo;
  5. Boca de Cote e El Palafito (são feitas juntas em um dia);
  6. Boca de Sebastopol.

 

Taxas

Foto: Tabela de preços dos passeios em setembro de 2014.

 

Nosso 1° dia em Los Roques: Francisquí de Arriba.

O primeiro passeio que fizemos em Los Roques começou às 13:00h em função da nossa chegada no Arquipélago que ocorreu nesse mesmo dia pela manhã.

Como tínhamos apenas metade desse dia para desfrutar optamos em ir a Francisquí de Arriba, uma ilhota muito próxima de Gran Roque, menos de 10 minutos de barco. Nessa ilha tem um restaurante mas se você optar por almoçar lá sugiro que faça o seu pedido logo cedo para garantir seu almoço pois, não há um estoque muito grande de peixes por dia, nesse dia em que estivemos lá às 13:30 o restaurante já não tinha mais peixe e cozinha estava fechando. Não há nada mais nessa ilha além deste restaurante.

Almoço Francisquí de Arriba

Foto: Almoço no único restaurante em Francisquí de Arriba.

De um lado da ilha, digamos que o “lado da frente” da ilha por onde os barcos chegam e saem está o restaurante e uma belíssima praia de mar super calmo e raso, uma delícia para relaxar!

Francisquí de Arriba

Foto: Francisquí de Arriba.

Pegando uma pequena trilha no canto direito da praia você chega ao outro lado da ilha, “os fundos” da ilha, aonde tem uma piscina natural excelente para snorkel. Nós passamos quase a tarde inteira nesse lugar!

Piscina Natural Francisquí de Arriba

Foto: Piscina Natural Francisquí de Arriba.

Snorkelando em Francisquí de Arriba

Foto: Snorkelando em Francisquí de Arriba.

A Padroeira de Los Roques

Foto: A Padroeira de Los Roques à aproximadamente 5 metros de profundidade.

 

Francisquí de Arriba nos agradou bastante por ser uma ilha completa com pontos somente positivos:

  1. Proximidade de Gran Roque
  2. De um lado da ilha mar calmo, água rasa e cristalina
  3. Do outro lado da ilha uma piscina natural com muitos corais e vida marinha para os amantes do snorkel
  4. Possui restaurante

 

Nosso 2° dia em Los Roques: Boca de Cote, El Palafito e Agustin

Em nosso segundo dia em L.R. optamos por um passeio à Boca de Cote, El Palafito e Agustin. Inicialmente a última ilha do passeio era Crasquí, mas como outros turistas que estavam conosco no barco já haviam feito o passeio à Crasquí e nós sabíamos que conheceríamos Crasquí no passeio que faríamos à Noronquí e Laguna de Rabusquí, entramos num consenso que gostaríamos de conhecer outra ilha e o barqueiro sugeriu Agustin pela proximidade de El Palafito lugar onde estávamos quando tomamos juntos essa decisão.

Saímos do píer de Gran Roque direto para Boca de Cote, 50 minutos de barco.

Boca de Cote é um dos melhores lugares para fazer mergulho de profundidade e de superfície em Los Roques. A visibilidade é incrível. O nosso barco ficou ancorado por apenas 40 minutos para quem quisesse descer para fazer mergulho de superfície. Nós, os quase peixes hehehe, pulamos na água sem pensar duas vezes.

Mergulho de superfície em Boca de Cote

Foto: Mergulho de superfície em Boca de Cote. 

 

Mergulho de superfície em Boca de Cote2

Foto: Mergulho de superfície em Boca de Cote.

 

De Boca de Cote seguimos para El Palafito, nossa segunda parada. El Palafito não é uma ilha nem cayo, é apenas uma “casa” ou melhor um abrigo construído por nativos no meio do mar sobre uma barreira de corais, o lugar hoje é abandonado e alguns passeios fazem essa parada rápida para fotos.

El Palafito

Foto: El Palafito.

 

Nós não gostamos muito desse lugar, não é um lugar bonito, a vista não é das mais lindas de Los Roques, achamos essa parada desnecessária, o lugar está caindo aos pedaços em função da própria maresia e também por ter sido construído “de qualquer jeito”, além de estar tomado por fezes de aves que se abrigam e fazem ninhos nas partes cobertas de El Palafito.

O melhor ângulo para foto de El Palafito

Foto: O melhor ângulo para foto de El Palafito.

 

A parada em El Palafito foi rápida, ninguém curtiu muito, de lá seguimos para Isla Agustin.

Navegando entre El Palafito

Foto: Navegando entre El Palafito e Isla Agustin.

 

Isla Agostin é um lugar de mar calmo e raso, nada de ondas. Há um restaurante na ilha. A ilha estava praticamente deserta, quando chegamos apenas uma família curtia a praia e depois de nós não chegou mais ninguém ao longo do dia.

Isla Agustin

Foto: Isla Agustin. 

 

Isla Agustin2

Foto: Isla Agustin. 

 

Nosso 3° dia em Los Roques: Noronquí, Crasquí e Laguna de Rabusquí.

Esse passeio está entre os melhor em L.R. e portanto é imperdível!

A primeira parada é um Noronquí e por lá ficamos por uma hora. Olhem que paraíso!

Noronquí

Foto: Noronquí. 

 

Chegamos por volta das 10:00h da manhã e não tinha ninguém na ilha.

 

Praia em Noronquí

Foto: Praia em Noronquí.

 

Em Noronquí o mar além de lindo é super calmo, perfeito para relaxar e ainda tem um “píer” natural de pedras, uma delícia a caminhada até o final dele, ótimo lugar para belas fotos.

pedras em Noronquí

Foto: “Píer” de pedras em Noronquí.

 

Noronquí com certeza merece um dia inteiro.  Foi uma pena termos passado somente uma hora nesse lugar!

 

De Noronquí partimos para Crasquí, outro paraíso…

 

Nosso companheiro em Crasquí

Foto: Nosso companheiro em Crasquí

 

Crasquí é uma delícia de ilha, mar maravilhoso!

Crasquí

Foto: Crasquí.

 

Se você andar até o final e dobrar a esquerda passará por uma pequena trilha que leva até a parte de trás da ilha aonde tem uma barreira de corais, excelente para snorkel e também há um cemitério de caracóis.

 

Crasquí os caracóis secos

Foto: Crasquí, os caracóis secos e a parte escura no mar são os corais.

Snorkel entre os corais fogo

Foto: Snorkel entre os corais fogo (e queimam mesmo, cuidado!).

 

Em Crasquí ficamos das 11:00h da manhã até às 15:00h da tarde, de lá partimos para Laguna de Rabusquí.

Laguna de Rabusquí é lugar aonde tem a maior quantidade de estrelas do mar gigantes em Los Roques. Chegamos lá já no final da tarde e ficamos o tempo necessário apenas pra que todos tirassem suas fotos.

Laguna de Rabusquí

Foto: Laguna de Rabusquí.

 

Nosso 4° dia em Los Roques: Carenero

Carenero é umas das ilhas mais famosas de Los Roques. Esse passeio não pode ficar de fora da sua viagem de forma alguma.

Isla Carenero em Los Roques

Foto: Isla Carenero em Los Roques.

 

Uma dica importante: Carenero merece e deve ser feito em um dia inteiro só nessa ilha!

Nós já sabíamos dessa dica antes de chegar à L.R. por isso fizemos questão de passar um dia inteiro nesse pedacinho de paraíso.

O que acontece normalmente é que o passeio a Carenero é vendido junto com o passeio a Cayo de Água e ainda Dos Mosquites, sendo que em Dos Mosquites é apenas uma parada rápida de 30 minutos. O ruim desse “formato” de passeio na nossa opinião é que tanto Cayo de Água quanto Carenero são ilhas lindíssimas, estão entre as mais tops e merecem um dia inteiro em cada ilha.

Você não concorda que lugar desses merece um dia exclusivo?

Isla Carenero em Los Roques2

Foto: Isla Carenero em Los Roques.

 

Como já sabíamos dessa dica, pedimos para que o barqueiro nos deixasse em Carenero antes de levar o resto dos turistas do barco para Cayo de Água. E foi o que aconteceu, no caminho para Cayo de Água ele parou em Carenero para nos deixar ali e na volta de Cayo de Água ele passou ali novamente para nos buscar, resumo; conseguimos passar um dia inteirinho em Carenero e a melhor parte dessa história: sozinhos! Sim, isso mesmo! Mais ninguém chegou na ilha ao longo dia! Carenero foi somente nossa por toda aquela terça-feira quente e ensolarada. Além de nós, somente quatro cachorros que vivem nessa ilha.

Nosso guarda-sol

Foto: Nosso guarda-sol, o único esse dia em Carenero.

 

Relax em Carenero

Foto: Relax em Carenero!

 

Em Carenero também há uma grande piscina natural para prática de mergulho de flutuação (snorkel).

 

Área com corais

Foto: Área com corais propícia para snorkel em Carenero.

 

Não foi o melhor lugar para snorkel em L.R. mas valeu pela companhia…

Estávamos mergulhando super tranquilos

Foto: Estávamos mergulhando super tranquilos, quando vimos ele estava do nosso lado.

Grande parceria

Foto: Grande parceria de mergulho em Carenero.

 

Nosso 5° dia em Los Roques: Cayo de Água

Cayo de Água é sem dúvida o lugar mais bonito em Los Roques, não é à toa que é o cartão postal de Arquipélago. E como já falamos, você deve passar um dia ou dois inteiros nesse belíssimo lugar.

 

Cayo de Água

Foto: Cayo de Água.

 

Cayo de Água é o único lugar em Los Roques que vimos esse mar de tom azul turquesa, e um detalhe interessante é apenas de um dos lados de Cayo de Água que o mar tem essa tonalidade do outro lado a cor do mar é mais verde bebê assim como em as outras ilhas que visitamos em Los Roques.

 

Cayo de Água do lado azulzinho

Foto: Cayo de Água do lado azulzinho.

 

Nesse dia em que fomos pela primeira vez à Cayo de Água estávamos na companhia de outros dois casais de brasileiros que estavam hospedados na mesma pousada que a gente e eles já tinham estado em Cayo de Água à uns dias atrás, então foram eles é que decidiram em parte da ilha nós todos iríamos montar nosso “acampamento” de cadeiras e guarda-sóis. E o lugar escolhido foi exatamente esse lado de mar azul e praia vazia, o que é até um pouco estranho em Cayo de Água já que a ilha é a que mais recebe turistas por dia. Observem que lugar especial…

Cayo de Água exclusiva

Foto: Cayo de Água exclusiva para a turminha de brasileiros.

 

Foi um dia incrível, e as fotos ficaram de tirar o fôlego!

 

Curtindo a lagoa azul que é Cayo de Água

Foto: Curtindo a lagoa azul que é Cayo de Água nesse lado da ilha.

 

Nós amamos Cayo de Água e ainda ali, decidimos que voltaríamos a essa ilha antes da viagem terminar.

 

Cayo de Água2

Foto: Cayo de Água. 

 

Nosso 6° dia em Los Roques: Boca de Sebastopol

Boca de Sebastopol é um passeio incrível para quem curte mergulhar. Na nossa opinião foi o melhor snorkel em Los Roques. A visibilidade parece ser infinita!

Sebastopol é um dos lugares mais distantes de Gran Roque, cerca de uma hora de barco, mas vale muito a pena pode ter certeza!

Passamos um dia inteiro nesse lugar que nem chega a ser uma ilha é apenas um banco de areia, vejam só…

Boca de Sebastopol

Foto: Boca de Sebastopol.

 

Algumas belezas que vimos em Boca de Sebastopol…

Peixe Papagaio

Foto: Peixe Papagaio que gostou de posar para nossa câmera.

 

Lagosta em Boca de Sebastopol

Foto: Lagosta em Boca de Sebastopol.

Vida marinha em Boca de Sebastopol

Foto: Vida marinha em Boca de Sebastopol.

La tortuga em Sebastopol

Foto: La tortuga em Sebastopol.

 

Corais Cérebro

Foto: Corais Cérebro em Sebastopol (é só nós que enxergamos um coração nessa foto?).

 

Nosso 7° dia em Los Roques: Madrisquí e Francisquí de Abajo

Nesse dia dividimos o nosso tempo assim: manhã em Madrisquí e tarde em Francisquí de Abajo.

Madrisquí é lindíssima, mas pela proximidade de Gran Roque (5min de barco) está sempre mais cheia de turistas o que particularmente nos incomoda um pouco.

 

Observe ao fundo Gran Roque

Foto: Observe ao fundo Gran Roque bem próxima à Madrisquí.

 

Francisquí de Abajo foi o lugar que fomos que tinha mais vento, não é à toa que é a “casa” dos kitesurfistas. Não é uma ilha tão bonita quanto Madrisquí e outras tantas em Los Roques. Mas pra feia também não serve!

 

Francisquí de Abajo

Foto: Francisquí de Abajo.

 

Francisquí de Abajo também é super próxima à Gran Roque, 5 minutinhos de barco e você já está lá.

 

Nosso 8° dia em Los Roques: Cayo de Água

Como nós já havíamos relatado optamos por passar mais um dia em Cayo de Água. Essa ilha merece dois dias. Se você tem tempo de sobre faça o mesmo, garantimos que você não irá arrepender-se. É linda de mais!

 

Cartão postal de Los Roques

Foto: Cartão postal de Los Roques; o banco de Areia que liga um lado da ilha a outro.

 

Cayo de Água3

Foto: Cayo de Água.

 

Nosso 9° dia em Los Roques: Tour Privado

No nosso nono e último dia de praia em Los Roques optamos por fazer um tour privado.

E já começamos dizendo que é maravilhoso e que nós suuuper recomendamos o tour privado principalmente para casais. Você escolhe o roteiro, você manda nos horários, é perfeito, vale muito a pena! Quem dera puder fazer isso todos os dias da viagem.

 

Nós contratamos o barqueiro Vicente do barco Juliberth, o rapaz é bem legal, um pouco tímido, fala pouco, mas foi super responsável com os horários, bom fotógrafo, e o barco dele é excelente.

Inicialmente ele cobrou 6 mil bolívares mas nós conversamos, negociamos, choramos um pouco e ele acabou fazendo por 5 mil bolívares = 58 dólares = 150 reais (câmbio em setembro de 2014 era 86 bolívares para 1 dólar e 1 dólar era 2,60 reais).

Para encontrar o Vicente é muito fácil, ele mora em uma casa quase em frente a padaria/panaderia na mesma rua da Pousada que ficamos hospedados; Pousada Cada de Sol. Fomos perguntando aos nativos aonde morava o barqueiro Vicente e o encontramos com facilidade, a vila é bem pequena e todos se conhecem.

 

Nosso roteiro era bem simples, nem demos muito trabalho à Vicente. Nós só queríamos sair bem cedo para aproveitar mais o dia (os passeios normalmente saem do píer entre 09:30 e 10:00h o que nós achamos bem tarde) ir direto para Laguna de Rabusquí ficar apenas uma hora ou talvez um pouco mais e de lá ir para Pelona de Rabusquí uma ilhota que raramente é visitada e que tínhamos quase certeza que seria só nossa o dia todo (e assim foi)!

Escolhemos Laguna de Rabusquí por que ficamos encantados com as estrelas gigantes e quando fomos à Laguna já era final de tarde e acabamos ficando apenas uns 20 ou 30 minutos, e é assim mesmo que funciona para todos pois a logística do passeio é essa mesmo; 1 hora de permanência em Noronquí, 4 horas de permanência em Crasquí e por último já no retorno à Gran Roque; 30 minutos em Laguna de Rabusquí já com o sol se pondo. Pouco, né?! Queríamos mais e foi por isso que incluímos Laguna de Rabusquí no nosso tour privamos.

 

Saímos de Gran Roques às 08:00 horas da manhã e seguimos direto para Laguna de Rabusquí, lá ficamos por quase duas horas, tiramos muuuuitas fotos com as estrelas, fizemos book fotográfico com as estrelas, fizemos snorkel com as estrelas, pobres estrelinhas hehehe tudo isso com o máximo de cuidado possível com esses seres que são vivos e que não podem ficar mais que 3 ou 4 quatro segundos fora d’água pois passando desse tempo entra ar dentro das estrelas e elas entram em sofrimento. Então o esquema era o seguinte; ergue a estrela tira foto rápido, devolve a estrela para o fundo, pega outra, tira foto muito rápido e devolve para o fundo do mar, e assim foi…

 

Registro do nosso barqueiro

Foto: Registro do nosso barqueiro/fotógrafo.

Snorkel com as estrelas gigantes

Foto: Snorkel com as estrelas gigantes em Laguna de Rabusquí.

Cada pontinho mais escuro no fundo é uma estrela

Foto: Cada pontinho mais escuro no fundo é uma estrela do mar gigante.

 

De lá seguimos para Pelona de Rabusqui onde passamos o dia inteiro sozinhos, na companhia apenas de pelicanos e outras aves. Por um dia, uma inesquecível segunda-feira, tivemos uma ilha todinha só para nós dois. Foi um dia lindo, memorável!

Uma ilha completa, pois tinha tudo o que gostamos, uma parte da praia como uma piscina de mar calmo, totalmente sem ondas, raso, água morna, cristalina.

Outra parte da ilhota com barreira de corais maravilhosa para “snorkelar”.

Beira da praia de areia fininha e branca. E uma outra parte da ilha com vegetação rasteira rodeada de pedras. A ilha ainda é um berçário de aves, com vários ninhos e aves bebês.

Resumindo Pelona de Rabusquí: PERFEITA! A sequência de fotos a seguir irá comprovar nossas palavras…

Pelona de Rabusquí

Foto: Pelona de Rabusquí, lugar inesquecível!

 

A parte clarinha o nosso mar piscina

Foto: A parte clarinha o nosso mar piscina, a parte escura corais.

 

Nosso “acampamento”

Foto: Nosso “acampamento” em Pelona de Rabusquí.

 

Nossa ilha por um dia

Foto: “Nossa” ilha por um dia (Nicolás Maduro nos emprestou hehehe).

Essa não precisa de legenda

Foto: Essa não precisa de legenda! Pelona de Rabusquí.

 

Momento romântico

Foto: Momento romântico em Pelona de Rabusquí.

Snorkel por entre os corais de águas vivas

Foto: Snorkel por entre os corais de águas vivas em Pelona de Rabusquí.

 

O barqueiro voltou para nos buscar às 16:00h conforme o combinado.

Todas as fotos em que nós dois aparecemos nós colocamos a câmera posicionada em lugar estratégico no modo disparo automático 😉

 

Pôr do sol no Farol de Gran Roque

Escolha um dia em que chegar cedo do passeio e aproveite para subir ao farol de Gran Roque para apreciar o pôr do sol e ter uma bela vista de toda vila de Gran Roque.

Nós fomos e foi um belo passeio! São 15 minutos de caminhada, mas a subida é bem íngreme.

Algumas recomendações para esse passeio: Vá de tênis, é muito mais seguro com um calçado fechado, lembrando que a subida é cheia de pequenas pedras soltas. Passe bastante repelente antes de subir e leve o repelente junto com você para repor algumas vezes, pode ter certeza é muito necessário. Nós passamos antes de sair da pousada mas não levamos conosco o repelente e fez muuuita falta, na volta descemos praticamente correndo das nuvens de mosquitos, terrível! Leve água e é claro leve sua câmera fotográfica!

Pôr do Sol visto de cima da montanha

Foto: Pôr do Sol visto de cima da montanha do farol de Gran Roque.

 

Vista de Gran Roque

Foto: Vista de Gran Roque.

 

Farol de Gran Roque

Foto: Farol de Gran Roque.

Pôr do sol na Praia de Gran Roque

Se você assim como nós for um apreciador do nosso astro rei, recomendamos assistir pelo menos um dia o pôr do sol na beira da praia de Gran Roques.

Nós pegamos uma canga, o violão, uma garrafinha de Coca-Cola e um pacote de bolachas Maria e a nossa inseparável câmera fotográfica e fomos fazer um “piquenique” musical hehehe.

Nosso piquenique

Foto: Nosso “piquenique” musical rsrsrs.

Anoitecer no Arquipélago de Los Roques

Foto: Anoitecer no Arquipélago de Los Roques.

18 Comments:

  1. Amando suas dicas! Pretendo ir para Los Roques em dezembro e seu blog está ajudando muito no meu planejamento.

    • descobridordos7mares

      Olá Carla!!

      Muito bom ouvir isso!! Aproveite!!!
      Se você tiver alguma coisa que não lhe agradou na página ou algo que não ficou claro, por favor, não hesite em nos comentar!!
      Obrigado!!

  2. Tudo muito lindo! Qual é o melhor perido para viajar para Los Roque. Existe alta e baixa temporada?

  3. Fotos Lindas Demais… Essas dicas vão ajudar muito.

  4. Fotos de cinema, lugar paradisíaco !! Parabéns, o blog está lindo com ótimas dicas!!

  5. Parabéns pelo blog e pelas belíssimas fotos!

  6. Camila Rodriguez

    Adoreeeeeeei demais seu blog! Tds as dicas de Los Roques são mt úteis! Já salvei aqui nos favoritos, rs. Uma dúvida: aquele banco de areia em que as águas quase se encontram (foto bem popular de Los Roques) fica em algum ilha ou em Gran Roque?
    Eu e Arthur (meu namorado, rs) somos bem parecidos com vcs, gostamos das msms coisas e nos vi em cada foto sua! To doida pra ir lá! Parabéns pelo blog.. continuo lendo… beijos!

    • descobridordos7mares

      Oi Kamylla,

      Obrigada por prestigiar nosso blog, ficamos muito felizes em saber que você curtiu tudo aqui!
      Aquele famoso banco de areia é numa ilha chamada Cayo De Água localizada a 45 minutos de lancha de Gran Roque, é com certeza o lugar mais lindo em Los Roques.

      Bjs,

      Ketrin

  7. Olá, gostaria de saber onde vcs se hospedaram e se é caro ?

  8. Amei seu relato, esclareceu muito! Tenho uma dúvida, posso pagar a passagem de avião e a hospedagem em bolívar?

    • Oi Déborah!

      Que bom que você está gostando do nosso blog! Fico muito feliz com sua visita aqui e por sua participação nos comentários!
      Esses pagamentos infelizmente são somente em dólares, não encontrei outra possibilidade!

      Estou a disposição para possíveis dúvidas!

      Abraço!
      Ketrin

  9. Ah Ketrin, não dá um susto nesse na gente … desde semana passada não estava conseguindo acessar o site de vocês … eu estava surtando aqui. Eu vou para Los Roques em dezembro e San Andres em Janeiro e estou usando seu site como base para montar meu roteiro nos 2 lugares!!! Tão feliz que o site voltou!!!! hehehe.
    Queria te perguntar: quais as ilhas que merecem um dia inteiro em Los Roques? Apenas Carenero e Cayo D’agua ou mais alguma?
    E desses lugares que você foi, qual que vc menos gostou e não incluiria em uma próxima visitaa Los Roques? Pois ficarei 1 semana e quero aproveitar bem o meu tempo nesse paraíso … hehehe.

    Beijos e por favor, não nos abandone de novo … seu site é show!!! 😛

    • Oi Fernanda!
      Que bom que você está gostando do nosso blog!
      Fico muito feliz com sua visita aqui e por sua participação nos comentários! Mil desculpas pela demora em responder!
      Pois é, menina! Tivemos problemas técnicos no blog e levou uns dias para resolver, váááárioas seguidores do nosso Instagram @viagemadois nos avisaram e pediram o blog voltar logo hehehe o lado bom foi ver o carinho do pessoal todo!
      Mas agora vamos falar sobre a sua viagem, que bela dobradinha hein?! Los Roques num mês e San Ansrés no outro?! Eu li bem? É isso mesmo? Menina que invejaaaaa kkkk me leva junto na mala, eu “caibo” rsrsrsrs Só Los Roques já me servia no momento! Sobre as ilhas em Los Roques, valem um dia inteiro: Carenero, Cayo de Água e um dia inteiro numa ilha ou banco de areia daqueles exclusivos caso vcs façam um tour privado, no nosso tour privamos passamos o dia sozinho na ilhota Pelona de Rabusqui, suuuuper recomendo, vale a pena se for uma viagem a dois!

      Boa viagem, aproveite muuuuito!

      Estou a disposição para possíveis dúvidas!

      Abraço!
      Ketrin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>